IV Feira Afetiva faz parceria com e-Bairro

Distribuir afeto, vivências de autoconhecimento e reflexões! Esses são os objetivos de uma iniciativa muito importante, sobretudo em tempos de pandemia: a IV Edição da Feira Afetiva Diálogos de um Novo Mundo, que acontece de 28 de fevereiro a 7 de março, totalmente gratuita e de forma online. Realizada pelo quarto ano consecutivo, a feira é uma iniciativa da União Akasha (saiba mais sobre esse lindo trabalho no fim do texto).

Sem sair de casa, você pode ter acesso a mais de 40 atividades em uma semana de evento online para todas as idades (crianças e adultos), entre elas: cursos, vivências, palestras, shows, oficinas, performances poéticas e teatrais e, claro, muitas surpresas recheadas de afeto e amor. Quer saber mais? Fica ligadx na Feira Afetiva! Clique aqui!

e-Bairro + Feira Afetiva

A Plataforma e-Bairro participa, pela segunda vez, da Feira Afetiva oferecendo uma página para os artistas e artesãos que fazem parte do evento poderem dar visibilidade e também venderem suas criações.

“Ainda mais diante das recomendações de isolamento social, ter a opção de comprar online é uma alternativa que vem crescendo e também pode ser oferecida aos pequenos empreendedores periféricos, artistas e artesãos”, contam Diane Padial e Carla Prates, idealizadoras do e-Bairro.

Para conhecer alguns dos produtos dos artistas e artesãos da zona Sul de São Paulo (Jardim São Luis, Campo Limpo, Capão Redondo, Jardim Ângela), clique aqui. https://www.ebairroweb.com.br/loja/promocional/pagina/IV%20Feira%20Afetiva%20Uni%C3%A3o%20Akasha/1

Produtos de cosmética natural, artesanato, moda autoral

Na página, em que o e-Bairro produziu em parceria com a União Akasha, especialmente para a Feira Afetiva, estão as lojas:

Amô Aromas Afetivos – Criado pela família da Pequena Liz Sunshine, a Amô é a afetividade em essências especiais, aromas que resgatam nossos melhores sentimentos. Sabonetes, sais de banho, purificadores com ingredientes naturais  agregam sensações e conforto ao corpo, a mente e ao coração.

Ateliê Ivonete Fontes – Peças em crochê, feitas pela artesã Ivonete Fontes, que é apaixonada pela técnica e faz crochê há mais de 20 anos e Amigurumi há mais de 3 anos. Ela costuma dizer que: “em cada produto, você leva um pedacinho do coração e da alma do artesão”.

Bel Prandina Moda Criativa – Produção autoral de cangas atoalhadas e comuns, camisas artesanais, lenços, echarpes, etc. São peças exclusivas ou produzidas em pequenas quantidades.

BioAfetiva Cosmética Natural – Tem várias opções de produtos de cosmética natural, feito pela empreendedora e alquimista, Francisca Jesuana Alves Prado. Sobre seu trabalho, ela diz: “amo profundamente a natureza e tenho a alma inquieta, o que me permite estar sempre em constante aprendizado e evolução”.

Dagaz Produtos Naturais & Terapias Complementares – Fundada por Eduardo Silva, a Dagaz surgiu em 2018 e reúne produtos que têm como base o cuidado através das ervas e flores, que aliados a fitoterapia, ajudam a reduzir dores, gripes, insônia, ameniza ansiedades, medos, culpas e cargas densas do cotidiano, além de fortalecer o sistema imunológico, perfumar e hidratar o corpo.

(Re)existir – Fundada por Naiara Padial Corso, a marca reúne brincos autorais e surge do desejo de um mundo melhor, mais sustentável, de minimizar os impactos dos resíduos de material acrílico no meio ambiente; um mundo com pessoas mais confiantes, empoderadas e felizes.

Mais sobre a IV feira afetiva…

 “A União Akasha realiza a 4ª edição da Feira Afetiva e queremos agora exaltar o poder de ações simples e cotidianas, trazendo para discussão novas formas de se relacionar com nosso ambiente, natureza e relações pessoais; falar de hortas urbanas, de reciclagem, de acolhimento às crianças, além de ser um alento e uma ação coletiva de se importar com os artistas e moradores da zona Sul de São Paulo, sobretudo neste momento pandêmico”, conta Raíssa Corso, uma das fundadoras da União Akasha.

Uma iniciativa que demonstra a afetividade da Feira e de seu coletivo de realizadores será a doação de 300 pés de mudas de ora-pro-nóbis em pontos populares da região de Campo Limpo.

“A ideia é prestar as devidas homenagens às plantas que possam nutrir um novo mundo e, nesta edição, escolhemos a ora-pro-nóbis, pois ela tem um potencial nutritivo incrível e seu consumo pode ser popularizado, sobretudo na periferia, contribuindo para a nutrição literal de nossa sociedade”, completa Marlon Cruz”, fundador da União Akasha.

A programação da feira também conta com uma “mulheragem”, a Adriani Diniz, moradora de Campo Limpo há mais de 40 anos, figura presente na música e no samba, uma pesquisadora assídua de MPB, grande artista da voz, que contará suas nostalgias de um Campo Limpo que não existe mais, além de cantar clássicos do seu repertório.

Mais sobre a programação pode ser acompanhada nas redes sociais da União Akasha: Facebook, Instagram e Youtube e também na reportagem do coletivo Desenrola.

… e mais sobre a União Akasha

A União Akasha é um centro de desenvolvimento humano, fundado em 2016, voltado a promover encontros para debater saúde, formas alternativas de autocuidado e encontros artísticos. Seus fundadores, Raíssa, Marlon e Luan, têm profunda atuação no movimento periférico desde 2000, com participações em saraus, oficinas, reuniões e eventos de cultura periférica.

A União Akasha costumava reunir artistas, produtores culturais, músicos, bordadeiras, terapeutas holísticos, videomakers, fotógrafos, entre outros, em sua atuação, com atividades fixas semanais, entre elas: Dança Cigana, Oficina de Ritmos Percussivos, Atendimento Holísticos (como acupuntura, reiki, radiestesia, massoterapia, quiropraxia, shiatsu e constelação familiar a preços acessíveis), Vivências, Palestras, Atendimentos com Ozonioterapia e Roda de Saberes Femininos.

Atualmente devido a pandemia a maior parte dessas atividades tiveram que ser suspensas, e algumas reformuladas para o formato digital, transmitidas através das redes sociais. O espaço no entanto permanece aberto para os atendimentos com a Ozonioterapia realizados pela Biomédica Alana Benevides.

Com o propósito e crença de que a periferia merece ter acesso a essas práticas, auxiliando na cura da humanidade através da arte e de práticas integrativas complementares (terapias de autocuidado e autoconhecimento), a União Akasha é um polo cultural e artístico, que proporciona ações de simplicidade, como rodas em torno de fogueiras, alimentação em fogão e forno a lenha, materiais e ferramentas artísticas compartilhadas; é um espaço de escuta e fomento e terapias de autocuidado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *