Ensaios e seus territórios maravilhosos

O e-Bairro chegou para valorizar o talento de artistas, artesãos e escritores do Jardim São Luís e regiões! Mas não é só isso! Também queremos valorizar esses territórios que, muitas vezes, são conhecidos apenas pela violência que encerram, mas guardam belezas e histórias de criatividade e superação.

A todo mês pretendemos fazer um ensaio especial em um desses “locais maravilhosos” do território. O primeiro deles aconteceu no Escadão do Jardim Monte Azul, que fica no bairro do Jardim São Luís, São Paulo-SP.

Veja fotos do Ensaio:

Victoria Farias está com camiseta de Paulo Batista e berimbau de BambuGuaçu
Diana Gomes está com colar da Criativitude. O eBairro tem  livros do selo Sarau do Binho
Fernanda Felix com colar e brincos Tânia Sales e camiseta Paulo Batista
Nossa mascote Manu Prates está com colar DaRaiz

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Territórios em Transformação

A história do Escadão da Monte Azul é muito especial. O escadão, que dá acesso entre as ruas Domingos Marques e Xavier de Abreu, foi revitalizado em 2013 e, no lugar do cimento sem graça e corroído pelo tempo, surgiu uma iniciativa coletiva que deu cores e vida ao local. Iniciativa que combina completamente com a proposta do e-Bairro: o fazer coletivo!

Em um mutirão idealizado pelo coletivo Revitarte, o escadão − que faz parte do trajeto para escolas e creches − teve suas paredes grafitadas, com mosaicos e reparos nos degraus. Durante a ação, o grupo teve o completo apoio dos moradores, que forneceram água, luz, e até mesmo um espaço para servir de depósito de cimento.

Um grande exemplo de participação comunitária! De ocupação pela comunidade do espaço público. De articulação entre a arte e a comunidade.

Sempre fico me perguntando porquê na época da Copa (do Mundo) todos se juntam para encher as ruas de bandeirinha e porquê não nos juntamos por mais escadões como este!

Diana Gomes veste blusa da Aldeia do Tecer

 

 

 

 

 

 

 

 

Quer ver o ensaio completo? Clique aqui!

Fotos: Girlene ConceiçãoAgradecimentos especiais: Diana Gomes, Fernanda Felix, Manu Prates e Victoria Farias

O novo e-Bairro chegou!

A Plataforma e-Bairro está de visual novo! Lançamos hoje (dia 4 de junho) o novo site, com layout remodelado e (o que mais queríamos) com novos empreendedores locais, artistas e artesãos expondo seus trabalhos únicos e exclusivos. E melhor ainda: a maior parte dos que já estavam conosco continuam nesta empreitada de “juntar para somar”!

O novo site reúne mais de 220 produtos. E contou com o apoio do VaiTec, Programa de Valorização de Iniciativas Tecnológicas, gerido pela ADE SAMPA em parceria com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho.

O e-Bairro nasceu do desejo de contribuir com o desenvolvimento local, inicialmente do Jardim São Luís e regiões. A ideia é reunir toda a riqueza e o talento de produtores locais da economia criativa, que fazem seu trabalho com as próprias mãos, unindo sentido, coração, alma e histórias!

Empreender na periferia exige muita garra, luta e resiliência. O e-Bairro não tem apenas produtos, mas sim histórias de superação, talento e amor; de pessoas que ousaram empreender e viver sua arte.

Jornada de apoio ao empreendedorismo

Foram 8 meses de jornada, em busca dos empreendedores locais e da estruturação da plataforma. “Percebemos que os empreendedores precisavam de mais apoio em Comunicação, sobretudo para dar visibilidade aos seus produtos; então a solução foi assumirmos a fotografia, o detalhamento e o cadastro dos produtos no site, ou seja, estruturarmos a página online dos 28 empreendedores, artistas e artesãos locais que estreiam o e-Bairro conosco”, contam Diane Padial e Carla Prates, idealizadoras do projeto.

A ideia é continuar conectando novos empreendedores à essa rede local. Quem quiser entrar para a Plataforma, pode escrever para ebairroweb@gmail.com.br ou se inscrever no site, no link FAÇA PARTE DESTA REDE.

Agenda Cultural

Além do marketplace, o e-Bairro também disponibiliza uma Agenda Cultural do território, que reúne atividades da zona Sul em um único lugar, para facilitar a busca e a visibilidade de eventos culturais periféricos. E vem mais novidades por aí, aguardem!!!

Valorização do território

Para o lançamento do e-Bairro (repaginado), fizemos um ensaio especial no escadão da Monte Azul. Saiba mais no próximo post!

 

 

Nosso Manifesto

O e-Bairro não partiu de uma ideia simples. Para criá-lo, nos debruçamos na história de um bairro, na história de um povo, na sua luta, suas dores e, sobretudo, nos seus talentos. O nosso manifesto conta essa história:

Nas décadas de 80/90, o território do Jardim São Luís e adjacências (Jardim Ângela, Capão Redondo) era considerado o triângulo da morte devido ao alto índice de violência da região. Com isso, o território preconizou uma história de investimentos em coletivos e ações sociais e culturais, como uma resposta a essa situação. Vinte anos depois, o território revela uma efervescência cultural, reunindo artistas, artesãos e empreendedores criativos, trazendo para a região uma identidade única.

Sarau do Binho, Felizs, Festival Percurso, Cooperifa e Noite dos Tambores são algumas das marcas desse território. O papel do e-Bairro é revelar a riqueza dessa identidade local, o que ela tem de mais exclusiva e única.

O e-Bairro quer revelar ao mundo esses talentos e suas produções culturais e criativas. Valorizando o “fazer com as mãos, fazer com arte”, a “sustentabilidade” e a “criatividade do povo brasileiro”.

Queremos propor canais que promovam a geração de renda, o fortalecimento de redes e trocas, a fim de que a economia local possa se desenvolver. Quando a economia cresce localmente, beneficia a sociedade globalmente.

Ter um produto ou serviço e-Bairro significa contribuir para uma sociedade melhor, para a geração de renda e o fortalecimento de novas lógicas de mercado (empreendedorismo, economia criativa, solidária, sustentável) em tempos em que são tão necessárias como alternativas ao desenvolvimento do país.

Significa ter um produto com designer exclusivo e único, feito com “a alma e o coração” de um território que emana cultura, arte, poesia, música; que soube se reinventar, reescrever sua história e que respeita a dignidade humana e o meio ambiente.

Você é nosso convidado especial para conhecer a riqueza cultural do Jardim São Luís e adjacências (Campo Limpo, Capão, Jardim Ângela), com seus lugares e experiências únicas. E, como a internet reduz distâncias, o e-Bairro abre as portas para com, segurança e facilidade, você ter um pedacinho dessas preciosidades, um pedacinho que é feito para você e que revela os talentos de uma região. Coisas que você só encontra aqui!

As páginas do e-Bairro são recheadas de histórias de superação e criatividade. Ao acessá-las, você pode conhecer as histórias de vida de cada um de seus empreendedores, artistas e artesãos; seus sonhos e marcas repletos de sentido, exclusividade, representatividade e preço justo.

E-bairro no ar

Gente, conseguimos colocar o e-Bairro no ar no dia 10 de novembro, ainda na versão piloto com 18 empreendedores, artistas e artesãos locais! Que emoção!!! Tudo seguindo perfeitamente. Muita gente curtindo, muita gente somando. Estamos muito felizes e queremos compartilhar com vocês nosso site (caso ainda não conheçam), Facebook e Instagram, além do que prometemos: a listinha do que acertamos e do que precisamos melhorar.

Se você é empreendedor, fique ligado por aqui que teremos várias dicas pra você!

Nosso site: www.ebairroweb.com.br

Nosso Facebook: @ebairro

Nosso Instagram: @ebairroweb

Agora, vamos lá! Empreendedores, vamos juntos:

Pontos a melhorar

  • Descrição e fotos dos produtos:

Neste primeiro momento, do piloto, estamos inserindo os produtos dos empreendedores na plataforma. Percebemos que ainda há muito o que caprichar na descrição dos produtos e nas fotos. Pensa que a única forma do comprador ter acesso aos produtos é pela sua descrição e foto. Pela internet, não dá pra tocar, pegar, vestir, então, bora caprichar.

Dicas para descrição dos produtos: coloque o material que é feito o produto, o tamanho e o peso, as medidas e as características que valorizem seu produto (por exemplo: ele é exclusivo, é sustentável ou algo assim).

Para as fotos, prefira fundos neutros (de uma cor só; de preferência opte por um fundo branco). Confira se a luminosidade está boa e o enquadramento também (a foto não pode ficar escura e nem cortar um pedaço do produto). O ideal é deixar uma margem pequena em volta do produto, o que valoriza ainda mais sua peça.

Bem importante tirar uma foto de cada cor do mesmo produto!

  • Nas entregas:

Se for entregar pessoalmente, o melhor é combinar um horário com o comprador. Vender no próprio bairro tem seus benefícios e esse é um deles, mas é recomendável combinar o horário e avisar o comprador que o item será entregue por você (seu produtor!).

Não deixe de levar um recibo simples para o comprador assinar o recebimento.

O que acertamos

  • Acreditar na economia criativa e solidária para o desenvolvimento local é nosso maior acerto! Temos recebido mensagens de pessoas que estão com a gente e isso nos deixa muito motivados! Além de já termos 4 vendas em 1 semana. Obaaaa! Vamos, juntos, mudar nossa história e nosso bairro!

O desafio está lançado

Há quatro anos nos lançamos em um desafio até chegar a este momento e a você:  desenvolver uma plataforma digital que contribua para promover o desenvolvimento local de regiões da periferia. Chamada de e-Bairro, a plataforma pretende conectar pequenos empreendedores, produtores culturais e jovens comunicadores. Inclui Marketplace inicialmente, mas no futuro pretende incorporar Mapeamento, Agenda Cultural e Portfólio de jovens comunicadores. O local escolhido para começarmos é o bairro Jardim São Luís e arredores.

Para viabilizar nosso negócio passamos por formação na Fundação Dom Cabral, uma das maiores escolas de negócios do Brasil, por meio do Programa Gestão de Negócios para a Redução das Desigualdades Sociais. Agora ganhamos o VaiTec para aceleração do negócio para, enfim, torná-lo realidade. Não é fácil ser empreendedor na periferia, minha gente, mas é possível. SIM!

Vem com a gente acompanhar essa trajetória empreendedora!

Vamos postar nossas dificuldades, nossos avanços, aprendizados e muito mais. Assim, crescemos juntos fazendo o nosso bairro, cidade e país crescerem também. No futuro, queremos ver o e-Bairro em todos os bairros periféricos de São Paulo e do país!

Nesta primeira etapa (ai que frio na barriga!), fomos desafiados a criar um piloto (o nome mais chique pra isso é “Mínimo Produto Viável”) da plataforma, já com os produtos de alguns pequenos empreendedores e produtores culturais da região. Para isso, nos deram 15 dias e esse prazo termina amanhã (dia 30/10).

Vamos colocar o piloto no ar em breve! Não desligue da gente!

Aguarde nosso próximo post: o endereço do nosso piloto e uma listinha básica: o que precisamos melhorar e o que já arrebentamos (na semana).